domingo, 13 de março de 2016

Tempo de Domingo

Este fim-de-semana foi mais pequeno. Trabalhei no sábado e por isso foi mais complicado gerir tempos. Pois sim, estou de novo com dilemas com o tempo.
As eternas discussões sobre tempos, gestão de tempos e ainda espectativas de tempos.

Nunca temos o mesmo tempo todos os dias. Já por isso se diz que o tempo é relativo. Há dias que parece que me custa imenso passar as horas e por isso consigo fazer mais coisas, e há outros que mais parece que o dia tem 14 horas e não 24 e fica tudo atraso e eu stresso-me toda!

Hoje parece ser um daqueles dias que vão demorar a passar. Estipulei tempos para mim. Trabalhar no blog até às 15h e arrumar a casa até às 17h de forma a ter uma hora até o mais-que-tudo chegar e ver-me linda e perfumada só para ele. Este é o projeto. O objetivo. E a ação? Será assim também? Geralmente nunca é, mas acreditem que eu tento.

Temos falado por aqui que não temos saído. Adoro viver no Porto e passear pelas ruas da cidade. Mas ultimamente com o frio e a chuva que tem estado, tem se tornado difícil ate ir por o lixo lá fora! Acredito que agora com o tempo a melhorar (mais uma vez o tempo a meter-se na minha vida); poderemos passear mais e até fazer mais caminhadas de noite para a preparação para o Caminho. Confesso que não temos treinado nada e só ir a pé do trabalho para casa já me cansou um bocadinho.

E assim mantenho o meu dilema com o tempo. Esse maldito que me controla todos os dias. Quem foi o palerma que inventou o tempo? Quem é que decidiu que o tempo tem 24h? Porque tem de ser assim? Podiam também ter pensado em fazer um “fim-de-semana” com 3 dias… quem manda nisto? A quem posso enviar um email com uma reclamação?

Enfim… chega de brincadeira que hoje é dia de muito trabalho!! E pouco tempo!

Há que aceitar o que temos! Aceitar o que vem todos os dias. Mesmo quando é o tempo a tentar nos roubar tempo.


Foto do Pinterest. (E que grande foto! Eu não diria melhor!)

Sem comentários: